Teníase

Teníase

A teníase é uma verminose causada por duas espécies de platelmintos, a Taenia solium e a Taenia saginata. O ciclo da doença é o mesmo no caso de contaminação com qualquer uma das espécies. A diferença está no fato de a Taenia solium ter como hospedeiro intermediário o porco, e a Taenia saginata, o boi.

Agente causador
Os agentes causadores da teníase são, como dito, duas espécies de platelmintos, a Taenia solium e a Taenia saginata. A T. solium e a T. saginata são vermes achatados cujo corpo é dividido em segmentos (proglótides), podendo alcançar alguns metros de comprimento.

Esses organismos são hermafroditas, e cada segmento de seus corpos apresenta um sistema reprodutor completo. Elas apresentam algumas diferenças na estrutura corporal:

  • T. saginata: apresenta ventosas como estruturas de fixação;
Representação da Taenia saginata
Representação da Taenia saginata
  • Solium: presença de uma coroa de ganchos, denominada de rostro.
Representação da Taenia solium
Representação da Taenia solium

Transmissão

A contaminação nos hospedeiros intermediários (porco e boi) ocorre por meio da ingestão dos ovos da Taenia presentes no ambiente. No trato digestivo desses animais, as oncosferas (embriões) são liberadas, penetram na parede do intestino e caem na corrente sanguínea, instalando-se, na forma de cistos (cisticercos), em suas musculaturas.

A contaminação no hospedeiro definitivo, o homem, ocorre por meio da ingestão de carne (contendo cisticercos) crua, mal-assada ou malcozida do hospedeiro intermediário. No intestino delgado, a Taenia desenvagina-se e prende-se na mucosa desse órgão. Ali ela se desenvolve até a fase adulta, na qual realizará a autofecundação.

As proglotes fecundadas (cada uma das divisões ou dos segmentos das tênias), contendo até 80 mil ovos, são eliminadas com as fezes. Quando as fezes são depositadas no solo, podem contaminar água e verduras, que podem ser ingeridas pelo porco ou boi e iniciar um novo ciclo de contaminação.

Sintomas da teníase
Embora a teníase possa ser muitas vezes assintomática, em alguns casos, o doente pode apresentar alguns desses sintomas:

Dor abdominal;

Náuseas e vômitos;

Diarreia;

Perda de peso;

Fadiga;

Dor de cabeça, entre outros.

Diagnóstico e tratamento
O diagnóstico é feito por meio da realização do exame de fezes, e o tratamento, com a administração de medicamentos antiparasitários orais.

Curiosidades:
A contaminação por Taenia ocorre com a presença de apenas um indivíduo, por isso, esse verme é chamado também de solitária;

A teníase diferencia-se da cisticercose pelo fato de, na cisticercose, a contaminação do homem ocorrer pela ingestão dos ovos por meio de água e alimentos contaminados.

admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.